Uma das maiores dúvidas de meus clientes e leitores é: como trazer vinho da Itália para o Brasil com segurança? Bom, agora eu descobri a resposta perfeita e vou compartilhar com você!

Como transportar vinho em voos internacionais

Há alguns anos eu vivo no vai e vem intercontinental, geralmente a cada 3 meses que passo no Brasil, fico um mês na Itália, a maior parte do tempo em viagens de pesquisa. E, com isso, já me acostumei a fazer compras na Itália, principalmente de vinhos e produtos da alta gastronomia.

Eu sempre trouxe vinhos enrolados em plástico bolha e enfiados no meio das roupas, mas confesso que suava frio quando pensava que a garrafa do meu Barolo 2010 poderia ter quebrado no meio do caminho, manchado e rasgado minhas roupas. Era um martírio que só terminava quando eu recebia a mala na esteira, aqui no Brasil. Nem sempre intacta…

Eu estava procurando soluções para trazer minhas garrafas de vinho com segurança quando a empresa Lazenne, especialista em malas, bolsas e estojos para transporte de vinhos, entrou em contato comigo e me mostrou as soluções que tinha para transportar as garrafas. Eu fiquei encantada com os produtos pois, além de serem super úteis, são elegantes e bonitos também.

Mala para transporte de vinhos

Sempre que trago vinhos para o Brasil, procuro trazer de safras premiadas ou queles que não são encontrados facilmente aqui. Claro que tais vinhos tem o valor elevado e, não queria mais correr riscos de rompimento das garrafas devido ao manuseio de malas inadequado pelos funcionários dos aeroportos

Assim, escolhi a mala VingardeValise, que tem capacidade para 12 garrafas.

transportar vinho

Foto divulgação

Externamente a mala parece uma mala convencional de policarbonato. Tem fecho de zíper e duas cintas de segurança super resistentes. É muito bonita e tem excelente acabamento, além de ser bem leve (carregada ela pesa entre 20 e 25 Kg).

Internamente vem a surpresa. As duas partes da mala são profundas e revestidas com módulos de espuma de alta densidade, com encaixe perfeito para garrafa de todos os formatos, inclusive garrafas de espumantes, que são mais bojudas.

Uma vez as garrafas encaixadas  nos módulos, elas recebem uma tampa de espuma que também vai ser presa por 2 cintos e depois uma tampa de tecido com zíper, garantindo que as garrafas ficarão super seguras até o destino final.

transportar vinho

Além das garrafas de vinho, você pode transportar também vidros de azeite, cerveja, licores, etc. E ainda sobra espaço para algumas peças de roupa.

Existem outras opções muito interessantes também, clique aqui para conhecer todos os produtos da marca!

Regras para o transporte de bebidas alcoólicas em voos internacionais

Abaixo, listo algumas das regras gerais para transporte de bebidas em voos internacionais, porém, as regras podem sofrer alterações dependendo da tarifa do bilhete  e da companhia aérea.

Sendo assim, sugiro que para ter certeza de quais são as regras que se aplicam no seu caso, você se informe diretamente com a companhia aérea com a qual vai voar.

Regras gerais:

  • Menores de 18 anos não podem embarcar com bebidas alcoólicas na bagagem;
  • Em voos internacionais, não é permitido transportar mais do que 100 ml de líquido na mala de mão;
  • Na mala despachada, algumas companhias aéreas permitem o transporte de até 12 litros por pessoa, ou 16 garrafas de 750 ml;
  • Se o valor das suas compras exceder 500 dólares (vinhos e demais itens), haverá cobrança de imposto correspondente a 50% do valor do produto; portanto, mantenha as notas fiscais com você;
  • Evite comprar muitas garrafas do mesmo vinho, pois o fiscal da alfândega pode desconfiar que seu objetivo é comercializa-las e, neste caso, pode além de aplicar taxas mais altas de impostos, apreender as garrafas.

Compartilhe!

Sobre o autor

Ana Grassi é especialista em língua, cultura e turismo para a Itália. Fundadora, autora e editora do blog ITALIAna, trabalha como travel designer há 10 anos; isso quer dizer que realiza o sonho dos viajantes que querem conhecer a Itália, com um roteiro personalizado e exclusivo!

Deixe uma Resposta