Como se vestir na neve

Pra quem mora no Brasil, se vestir para neve, não é algo que a gente faça de olhos fechados. Com as dicas abaixo, vamos te ajudar, literalmente, a não entrar em uma fria!

Quanto se trata de uma condição climática tão específica, o objetivo principal da roupa é o conforto térmico e não somente a beleza do look. E, está tudo bem, já que você vai encontrar outras pessoas na mesma situação que você. Com essa prioridade em mente, vamos entender então como se preparar para se vestir na neve.

Quando o roteiro incluir a aventura de esquiar, será necessário certo planejamento pra tudo dar certo no esporte. E mesmo para quem não for praticar o esporte, uma vez nas montanhas, a roupa de esqui acabará sendo muito útil. Existem outras atividades além do esqui, como a caminhada na neve (snowshoeing) ou mesmo a visita às paisagens exuberantes das montanhas.

Vista-se em camadas!

O velho e amigo efeito cebola, neste caso, roupas em camadas garante o conforto térmico, e assim, você não passa frio nos ambientes externos e nem calor nos internos.

As roupas precisam permitir que você se movimente e devem possibilitar a respiração do corpo, uma vez que seu roteiro pode incluir a prática de atividade física.

Outra dica importante, é que o calor é perdido pelas extremidades do corpo, por isso é fundamental que elas estejam protegidas.

1ª camada

A primeira camada é composta por uma roupa térmica e um par de meias para aquecer e segurar o calor do corpo. Essa é a mesma roupa que você usará nos demais dias do roteiro da viagem, porque ela funciona muito bem por baixo das demais roupas de inverno.

Por estar em contato direto com o corpo, essa roupa precisa precisa permitir a transpiração. Antes mesmo de adquiri-la, é possível checar o índice de respirabilidade das peças.

2ª camada

A segunda camada é composta por peças quentinhas e têm exatamente a função de aquecer. Quanto menos volume melhor, já que se trata de uma camada intermediária.

Aqui vai uma dica: use uma luva touch com essa camada, ela possibilita continuar usando os tablets e smartphones e manter as mãos protegidas.

3ª camada

E por último, a terceira camada, que precisa ser impermeável para que você não se molhe quando a neve entrar em contato com você.

As calças geralmente têm elástico, o que acaba facilitando aa sobreposição de peças. Os casacos possuem a indicação de qual é a temperatura suportada por eles. A maioria dos casacos são “recheados” com pluma de ganso para garantir maior proteção contra o frio.

Como esta é uma categoria de roupas em constante desenvolvimento, já existem jaquetas que possuem zíper na axila para possibilitar a saída da transpiração e manter o conforto térmico.

Nesta última camada estão contemplados o gorro de lã ou pele e as luvas mais grossas para proteger do vento.

Calçados

O calçado também precisa ser impermeável e forrado com pele, para proteger da água e do frio. E para sua segurança, é muito importante que seja antiderrapante.

O look completo!

Onde encontrar

Estas roupas específicas de neve podem ser compradas nos ski resorts, grandes lojas de departamento ou alugadas na Itália.

Atualmente, já existe no Brasil o serviço de aluguel desse tipo de roupa (www.roupadeneve.com.br). É sempre válido o exercício de comparar preços e avaliar o seu roteiro para encontrar o melhor custo benefício para o seu caso.

Pode ser que, levando essa roupa daqui, você economize tempo durante a viagem e poderá investi-lo para adquirir outro tipo de roupa, aquela que você vai usar aqui na volta durante o ano inteiro.

Compartilhe!

Sobre o autor

Amanda More

Deixe uma Resposta