Quando falamos em viajar pela Itália, muitas pessoas pensam apenas nos grandes centros turísticos, como Roma e Milão. Isso é normal, dado o valor histórico que o país da bota possui em seu território. Mas não podemos deixar de fora os destinos de uma Itália fora de série. Alguns são pouquíssimo explorados por turistas. 

Você também poderá gostar:

Itália Chic: Descubra os destinos luxosos pela Itália!

Turismo religioso pela Itália!

Turismo de experiência: o que é e onde relizá-lo?

Em meio a tanta história, as belezas naturais, parques, lagos, cidadezinhas e caminhos revelam um país autêntico e dono de uma cultura muito marcante (eu sei que sou suspeita para falar sobre isso, mas não dá pra discordar). 

No decorrer deste post, vou contar pra você 15 destinos pouco comuns em rotas pela Itália. 

A maioria destes lugares pode ser visitada saindo de algum destino conhecido, o que torna estes passeios ainda mais atraentes!

Itália Fora de Série: Destinos pouco explorados

Castello di Gradara

A pequena cidade medieval de Gradara é uma das mais bem preservadas da Itália. Gradara fica na região de Marche e tem o castelo como um de seus símbolos. O que mais me chama atenção é, sem dúvida alguma, a vista que temos do horizonte com o mar. A sensação de infinito é indescritível.

O Castello di Gradara é enorme monumento do século XII, construído pela família Malatesta. Embora muitos anos tenham se passado desde sua construção, tanto o castelo, quanto o burgo permanecem intactos, talvez pela proteção das fortes muralhas que o rodeiam.

Grutas de Frasassi

Ainda na província de Marche, no interior dos Apeninos, as grutas de Frasassi são um ponto obrigatório para os amantes de turismo na natureza. Isso porque as paisagens e o contraste do interior com o exterior são fatores que tornam este um passeio incrível.

As estalagmites e estalactites são enormes e nos dão a impressão de estarmos em um filme de aventura. Para quem não sabe, estes nomes são dados às estruturas que se lançam do chão e do teto, geralmente em cavernas.

Além da grandiosidade, o azul das águas cristalinas também é algo impressionante! Quando observamos por fora, nem imaginamos que a água traça seus caminhos e ainda esculpe belíssimas formas no ambiente subterrâneo das grutas. 

Gole di Alcantara

Na região da Sicília, moradores relatam ter avistado o Sugghio, espécie de monstro do lago Ness local. Este encontro se deu no Gole di Alcantara, uma das atrações naturais mais belas que já vi na vida. 

Trata-se de um parque natural onde ficam canyons vulcânicos, enormes paredões de rochas provenientes de erupções do vulcão Etna. Majestosamente, as águas cristalinas do rio Alcantara cortam a região e traçam seu próprio caminho.

Embora a água seja muito fria na maior parte do tempo, recomendo que você entre sem pensar duas vezes e tome um bom banho refrescante. 

Sem dúvida alguma, visitar o parque do Gole di Alcantara é um passeio incrível e muito recomendado para quem visita a região de Catânia. 

Brescia

Quando fui a Brescia, na Lombardia, fiquei surpresa pelo fato de a cidade não ser muito conhecida pelos turistas brasileiros. Na verdade, acho que é uma mera questão de tempo, pois Brescia, assim como Milão, é uma cidade riquíssima em termos de arte, história e, sobretudo, arquitetura racionalista. 

Além de conhecer as belíssimas praças e construções (que podem ser visitados a pé), visitando Brescia você terá a oportunidade de conhecer o maior sítio arqueológico do norte italiano. 

Ainda restam dúvidas de que a Brescia é uma preciosidade a ser conhecida?

Franciacorta

Aos amantes de um bom vinho, Franciacorta oferece uma variedade muito conhecida. Isso porque eles são produzidos com o mesmo método de seu colega francês de Champagne, o método champenois. De fato, os vinhos desta região fazem jus ao nome. 

Uma vez feita a fama, já temos uma série de passeios pelas vinícolas para montar um roteiro inesquecível!

Além de degustar vinhos dos mais conhecidos e renomados da Itália, Franciacorta é um lugar para outros passeios incríveis. Muitas pessoas se encantam ao visitarem o Lago d’Iseo, de onde saem muitos dos pratos da gastronomia local. A paisagem formada pelo lago e pelas montanhas são pra lá de inspiradoras. 

Já percebeu que o norte da Itália tem muitas atrações pouco comuns aos brasileiros? Ainda não chegamos nem na metade desta lista! 

Ilhas Egadi

No extremo oeste da Sicília, o magnífico arquipélago das Ilhas Egadi (ou Egadi, em italiano) ainda é uma joia pouco conhecida pelos brasileiros.

Selvagem e tranquilo, o lugar é o lar de uma das mais belas reservas marinhas da Europa. Suas três pequenas ilhas, alcançáveis em 30m de hidrofólio saindo de Trapani, podem ser visitadas sem problemas em um fim de semana prolongado!

São 3 ilhas que formam o arquipélago de Egadi: Favignana, ou La Farfalla, como muitas vezes é chamada por causa de sua forma de borboleta, é a maior e mais importante das ilhas, Levanzo, que embora seja pequena, é um lugar muito acolhedor e Marettimo, a mais distante das três. 

Ponte del Tonale

Para os fãs de uma boa settimana bianca (termo em italiano para férias nas montanhas), os alpes italianos é um excelente passeio! Só para você ter uma ideia, o lugar tem uma natureza exuberante, muito bem preservada e é cenário de inúmeras atividades. 

Se falamos em alpes, falamos em esqui. E Ponte del Tonale é uma das pistas mais conhecidas do universo do esporte. Durante o inverno, milhares de pessoas vão esquiar e praticar outros esportes de inverno. Imagine só o visual das montanhas cobertas com neve branquinha?!

E não só de neve vive este imenso território. Além da natureza invernal, as estações por ali são muito diferentes. Logo, o verão, primavera e outono revelam a vida das montanhas. As cores, fauna e flora mudam e revelam enormes beleza e diversidade.

Neste post falo sobre os destinos com neve na Itália. São todos maravilhosos!

Villa d’Este

Tivoli, na região do Lácio, é a viagem para um dia ou um fim de semana, saindo de Roma. Conhecer a Villa d’Este e, especialmente, o seu jardim vai te dar a sensação de estar em um filme. 

Villa d’Este é uma obra-prima de jardim italiano do século XVI. Este lugar nos leva ao período do Renascimento, em meio a lindos afrescos, cavernas e fontes maravilhosas. Inclusive é impressionante a riqueza de detalhes em cada fonte. 

Não é à toa que o jardim também faz parte do patrimônio mundial inscrito na UNESCO desde 2001. Vale muito a pena descobrir este lugar!

Massa Marittima

Massa Marittima fica nas colinas do norte de Grosseto, a 20 km das praias de Follonica. A história da comuna remonta à Idade Média, quando a cidade desfrutou de sua idade de ouro entre os séculos XI e XIII.

Se começar pela Piazza Garibaldi, vai descobrir uma cidade medieval repleta de monumentos históricos. Desde a grande Catedral de Saint Cerbone, até os ilustres museus, a grandiosidade de Massa Marittima é um tesouro que, por vezes, passa despercebido aos olhos dos turistas. 

Assim como os monumentos históricos de um passado valioso, Massa Marittima também oferece aos visitantes a beleza natural da região de Maremma, além de uma gastronomia muito tradicional e vinhos deliciosos. 

Entre os pratos que você não pode perder, está o famoso Tagliata, temperado com cogumelos porcini e legumes da época. Para acompanhar, se entregue ao imperativo dos vinhos. Alicante e Vermentino são apenas dois dos vinhos deliciosos para se degustar na região. 

Perugia

A capital do coração verde da Itália vai encantar todos os seus sentidos. Para ter uma ideia, se visitar a Perugia, vai caminhar por mais de 3.000 anos de história!

A Perugia é uma oportunidade para um roteiro diferente, pois é uma cidade muito movimentada. Durante o ano acontecem vários festivais, como o Eurochocolate e o Umbria Jazz Festival. 

Se você ainda tem dúvidas, conheça 7 motivos para incluir a Perugia em seu roteiro.

Aci Trezza e Acireale 

Na Costa Ciclópica, Aci Trezza conta a lenda de Ulisses e Polifermo, em meio às formações rochosas de erupções do vulcão Etna. Essa é uma das praias mais bonitas da Itália!

Os pequenos portos são muito característicos e os barcos multicoloridos que se espalham pela costa deixam a paisagem ainda mais charmosa. 

A beleza natural da região se estende também a Acireale. Assim como Aci Trezza, este é um lugar magnífico para quem gosta de belas praias e paisagens naturais. A cidade, em si, é pequena. Mas as opções de bons passeios são inúmeras por ali. 

Dá pra conhecer tudo isso saindo de Catânia. Vale ou não uma escapadinha para a costa da Sicília?

Vulcão Etna

Sim, o Vulcão Etna entra nesta lista de destinos na Itália fora de série. Isso porque a imensidão do vulcão é um prato cheio para quem gosta de aventuras! 

Acredite, não há palavras para descrever a sensação de estar diante deste monstruoso monumento natural. Inclusive, já estive lá sem guia e contei tudo neste post

Embora percorrer as trilhas exija um pouco de preparo físico e experiência, a região está repleta de boas opções. Se for visitar Catânia, por exemplo, já vai conseguir viver um pouco da beleza do Etna. 

Ferrara

Por incrível que pareça, este destino é pouco explorado pelos turistas. Em sua história, Ferrara já foi um importante centro comercial, além de ter sido fundada para ser um porto fluvial, no século VI. 

Ao andar pelas vias de Ferrara, vai entender porque a cidade entrou para a lista de patrimônios da UNESCO: é muita história espalhada pelos castelos, praças, igrejas e monumentos. 

Se for à Emiglia Romana, leia este post e programe uma ida até Ferrara.

Salò

Banhada pelo Lago di Garda, Salò é uma cidadezinha que já foi quase destruída por um terremoto. Mesmo assim, tudo foi reconstruído e transformado no que vemos hoje: um paraíso de águas azuis.

O calçadão à beira-rio, as vias charmosas e a gastronomia deliciosa, tudo vai encantar todos os seus sentidos. 

O Lago di Garda banha diversas outras cidadezinhas, o que pode render passeios de barco inesquecíveis. 

Abano Terme

Castello Estense or castello di San Michele in Ferrara – Italy

É em Abano Terme onde estão as maiores e mais antigas fontes de água termal da Europa! Inclusive essa atração é um dos principais chamativos para a cidade. É um bom destino para quem vai viajar pela região do Veneto. 

Além das águas termais, Abano Terme esbanja charme em suas ruas, parques, monumentos e museus. 

Agora é só planejar!

Viu só como a Itália é cheia de surpresas? Acho que esse é um dos motivos por eu ser apaixonada não só pelo país em si, mas também pela cultura italiana em geral. 

E você, já fez algum passeio pela Itália fora de série? Quais lugares você conheceu? Me conte tudo nos comentários!

Leia também:

Dicas para fazer sua mala de verão para a itália!

Dirija uma Ferrari pela Itália!

Compartilhe!

Sobre o autor

Avatar

Ana Grassi é especialista em língua, cultura e turismo para a Itália. Fundadora, autora e editora do blog ITALIAna, trabalha como travel designer há 10 anos; isso quer dizer que realiza o sonho dos viajantes que querem conhecer a Itália, com um roteiro personalizado e exclusivo!

Deixe uma Resposta