Existem 96 vinícolas na região da Franciacorta que utilizam o método clássico para a elaboração do vinho desde os anos 60.

Na Europa existem 3 regiões que produzem vinhos utilizando o método champenois (ou clássico), também conhecido como método clássico: a região de Champagne, na França, a da Catalunha (que produz o Cava) na Espanha, e a região de FRANCIACORTA, na Itália.

Tal método se diferencia dos outros que elaboram espumantes pois passa por duas fermentações: a primeira em tanques de inox e a segunda dentro da garrafa. Depois disso o vinho passa por um envelhecimento de 18 a 60 meses (mas que pode durar muito mais) e só então estará pronto para encher as taças dos amantes das bollicine (bolhinhas).

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

Eu adoro as bolhinhas finas e suaves resultantes desse método e depois da minha primeira taça de Franciacorta bom…foi difícil voltar a amar o prosecco…

Para saber mais sobre o método e a região, leia este post: Franciacorta, a “champagne” italiana

Vinícolas na região da FranciacortaO microclima criado pela paisagem – lago, platô e montanha – com calor durante o dia e frio à noite é perfeito para a produção do  Franciacorta, que é elaborado com 3 tipos de uva: Chardonnay, Pinot Nero e Pinot branco.

 

Vinícolas na região da Franciacorta

Contadi Castaldi

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

Entrada Contadi Castaldi – Vinícolas na região da Franciacorta – Italiana Blog

O diferencial desta vinícola – e que já vale a visita – é o local onde ela está instalada. Funciona numa antiga olaria, cujos ambientes foram reformulados para abriga-la. As galerias que antigamente coziam os tijolos hoje servem perfeitamente para abrigar as garrafas de Franciacorta em sua fase de afinamento.

Vinícolas na região da Franciacorta

Os antigos fornos da olaria servem agora de túneis onde as garrafas repousam

 

O nome sintetiza a história milenar da região. Olha só que interessante:

Contadi – assim eram chamados os condes daquela região em época medieval

Castaldi – eram os senhores do condado que cuidavam das terras dos condes

Flavio nos acompanha durante a visita às galerias e nos explica que o vinho, além da técnica, também é feito com o coração. E isso fica evidente quando assistimos ao processo manual da remuage, o ponto alto da visita.

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

A remuage consiste no seguinte: as garrafas em segunda fermentação são colocadas em cavaletes de madeira e várias vezes ao dia durante várias semanas uma pessoa dá exatamente 1/4 de volta na garrafa. O cavalete vai aos poucos deixando a garrafa com o gargalo para baixo a fim de que os sedimentos sejam ali depositados e depois retirados, mantendo, assim, a limpidez do líquido. Milhares de garrafas…todos os dias…várias vezes ao dia…só muito amor ao vinho dá conta disso mesmo!

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

Ao final da visita, num salão com uma linda vista acontece a degustação. Eu gostei muitíssimo do Satèn 2007 Millesimato, feito com 100% de uvas Chardonnay. Recomendo colocar uma garrafa na mala.

De todas as vinícolas na região da Franciacorta que já visitei, a Contadi Castaldi foi a minha preferida. Considere inclui-la no seu roteiro.

Montenisa

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

A vinícola fica em um dos edifícios históricos mais importantes da região, o Palazzetto Maggi, construído no século XVI e com afrescos originais de Lattanzio Gambara, um importante artista da época.

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

Detalhe – afresco feito por Gambara – Vinícolas na região da Franciacorta – Italiana Blog

Em 1999 a família Antinori, talvez a mais tradicional e antiga família ligada ao vinho na Itália e muito conhecida pela produção dos vinhos Chianti na Toscana, se uniu à família Maggi para produzir Franciacorta. À frente da vinícola, a “geração pink” dos vinhos, as irmãs Alessia, Allegra e Albiera, filhas do Marquês Piero Antinori.

montenisa-5

Sou a-pai-xo-na-da pela história da Família Antinori e nestes dois posts abaixo conto sobre a mais linda vinícola de todo o Chianti e também do agriturismo que me hospedei, ambos de propriedade da família.

Dica da Ana
Franciacorta é linda em todas as estações, mas se puder, tente coincidir sua visita com o Festival Franciacorta, que acontece geralmente na segunda quinzena de setembro.

Ronco Calino

Vinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

Vinícolas na região da Franciacorta – Italiana Blog

A villa, situada numa colina, possui uma das mais lindas vistas de toda a Franciacorta. Por muitos anos foi residência de um famosíssimo pianista italiano (Arturo Michelangeli) e hoje é propriedade de um apaixonado pelas bollicine (bolhinhas). Em 1996 Paolo Radici fundou a Ronco Calino com um só objetivo: a qualidade total dos seus produtos.

Foi muito rigoroso em suas escolhas e nos métodos produtivos utilizados. Basta pensar que construiu todo um complexo semi enterrado para oferecer aos vinhos em afinamento condições de temperatura e  repouso adequados para a vinificação.

Quem me levou para conhecer a vinícola foi a simpática Lara, proprietária da Ronco Calino que contou toda a história da realização do sonho do casal de produzir Franciacorta. Ao final me levou para um agradável salão onde serviu vários vinhos.

O maravilhoso vídeo abaixo mostra um pouco da paixão que existe em torno da marca Franciacorta. Nele você também vê o processo manual de remuage.

banner-afiliados

Na PráticaVinícolas na região da Franciacorta - Italiana Blog

Contadi Castaldi

Site: www.contadicastaldi.it
Endereço: Via Colzano 32 – Adro, (Franciacorta Brescia)
Email para reservas: contadicastaldi@contadicastaldi.it
Vendem diretamente ao consumidor

Montenisa

Site: www.montenisa.it
Endereço: Via Paolo VI, 62, Cazzago San Martino (Franciacorta – Brescia)
Email para reservas: info@montenisa.it
Não vendem diretamente ao consumidor

Ronco Calino

Site: www.roncocalino.it
Endereço: Via Fenice, 45, Frazione Torbiato, Adro(Franciacorta – Brescia)
Email para reservas: info@roncocalino.it
Não vendem diretamente ao consumidor

Mais informações: www.franciacorta.net

A lista de todas as vinícolas na região da Franciacorta pode ser vista, clicando aqui.

Leia também sobre a Vinícola Berlucchi, de onde saiu a primeira garrafa de Franciacorta, clicando aqui.

Compartilhe!

Sobre o autor

Ana Grassi é especialista em língua, cultura e turismo para a Itália. Fundadora, autora e editora do blog ITALIAna, trabalha como travel designer há 10 anos; isso quer dizer que realiza o sonho dos viajantes que querem conhecer a Itália, com um roteiro personalizado e exclusivo!

2 Comentários

  1. Ivan Rossetti on

    Adorei a materia !! Pretendo ir em breve ! Tenho uma duvida : qual a melhor cidade para me hospedar e explorar a regiao de Franciacorta ? Obrigado

    • Ana Grassi on

      Oi Ivan, tudo bem? Você pode fazer bate e volta confortavelmente de Milão. Hospedando-se em Brescia, que também é uma linda cidade, vocês estão próximos da região de Franciacorta também. Se preferirem uma cidade pequena, podem optar pelas cidades à beira do Lago de Iseo (Iseo é muito charmosa!).
      Eu gosto muito desse: http://www.quattroterre.it/locanda/
      Em breve farei review no blog sobre ele!
      Boa viagem!
      Ana

Deixe uma Resposta