Ao contrário do que muita gente pensa, não há destino adequado ou inadequado para criança. O mundo todo pode ser um destino possível e a Itália com crianças pode sim ser muito divertida!

Na execução dos Roteiros Personalizados para meus clientes que viajam com filhos, é sempre um prazer ouvir, na volta, que as crianças se divertiram muito e de quebra ainda aprenderam um pouco de arte, cultura e história.

Itália com crianças

As crianças adoram andar de bicicleta para explorar a cidade – Itália com crianças

Em outubro de 2012 levei dois de meus quatro filhos pela primeira vez à Itália. Ana Clara e Manuela tinham na época 8 e 10 anos. Elas ficaram muito empolgadas de conhecer o país dos nossos antepassados e o “escritório da mamãe”.

Desde então, sempre que posso carrego as meninas comigo e, com isso, fiquei craque no tema “Itália com crianças”.

Viajar com crianças exige uma dose extra de planejamento. Assim, se possível, comece a se organizar com antecedência. Neste post vou te ajudar com informações sobre os documentos necessários e a escolha do roteiro de viagem adequado.

Itália com crianças

Itália com crianças

Inclua pausas entre uma atração e outra – Itália com crianças

Documentos

  • Passaporte da criança: confira a data de validade, que deve ser de 3 meses após a data da volta para o Brasil;
  • Se apenas um dos pais for viajar com a criança, será necessário levar o formulário de autorização de viagem (veja modelo clicando aqui) caso a autorização não tenha sido feita no corpo do passaporte na ocasião de sua retirada;
  • Se o passaporte ainda é o modelo antigo e não possui filiação, é prudente levar a certidão de nascimento ou o RG da criança;
  • Não há necessidade de visto para entrar na Itália;
  • Não há necessidade de vacina, além daquelas presentes no calendário oficial brasileiro. Porém, neste quesito é sempre bom ficar atento, pois em 2012 houve um surto de sarampo na Itália e eu precisei levar a carteira de vacinação internacional de minhas filhas, comprovando que elas eram vacinadas contra esta doença;
  • Faça o seguro de saúde com uma corretora de sua confiança. Eu utilizo a Real Seguros, se quiser fazer uma cotação, clique aqui.
  • Você pode levar os remédios que a criança toma habitualmente, mas leve também a receita do pediatra, caso te peçam no aeroporto. Remédio vai sempre na mala de mão!
Itália com crianças

Se as crianças já são maiores, carregam sua própria mochilinha – Itália com crianças

Planejando o roteiro da viagem

  • Dê preferência para voos diretos ou com conexões confortáveis (nem muito curtas que causem correria,em muito longas que causem irritação)
  • Compre bilhetes de trem antecipadamente, para garantir que se sentarão juntos
  • Se for alugar carro, peça com antecedência a cadeirinha adequada para a idade do seu filho
  • Procure intercalar dias de deslocamentos (de carro, avião, trem) com dias de descanso
  • Monte um QG numa cidade estrategicamente localizada e faça bate e voltas para cidades vizinhas, evitando a constante troca de hotel
  • Alugar um apartamento ou hospedar-se em um flat com mini-cozinha pode ajudar na hora de preparar mamadeiras e lanches de última hora
  • A Itália tem muitas cidades pequenas, com parques e atrações ao ar livre, considere coloca-las no roteiro
  • Compre bilhetes de passeios e museus antecipadamente e evite horas de fila
Itália com crianças

Comprar fruta na feira e lavar na fonte para comer! – Itália com crianças

Dicas da Ana

Itália com crianças

  • Sei que criança suja muita roupa, mas não caia na tentação de levar o armário inteiro! Caso haja necessidade, use a lavanderia do hotel ou lavanderias self service, que são fáceis de encontrar
  • Não se preocupe com a alimentação da criança na Itália. Em todo restaurante você encontrará pratos (massas, legumes) que certamente vão agrada-la!
  • Antes da viagem mostre guias de viagem, conte histórias e curiosidades sobre os lugares que irão visitar para que a criança comece a se familiarizar com o destino. Aqui em casa preparo algumas reuniões e decidimos juntas quais cidades serão visitadas. Pesquisamos juntas, montamos um diário pré viagem com muitos recortes e dicas de museus, restaurantes e passeios que gostaríamos de fazer.
  • Respeite o ritmo da criança. Não vai dar para entrar no museu pois ela está cansada ou irritada? Que tal um picnic no parque? Não pense duas vezes em modificar sua programação inicial pelo bem estar de seu filho.

Com essas dicas, sua viagem vai ser tranquila e muito divertida!

banner-afiliados

Compartilhe!

Sobre o autor

Ana Grassi é especialista em língua, cultura e turismo para a Itália. Fundadora, autora e editora do blog ITALIAna, trabalha como travel designer há 10 anos; isso quer dizer que realiza o sonho dos viajantes que querem conhecer a Itália, com um roteiro personalizado e exclusivo!

7 Comentários

  1. Bom dia, Ana. Estou começando a planejar minha viagem pra Itália, vou com mais 2 pessoas, todos maiores de idade, eu sou a mais velha com 24, eu tenho uma prima que quer ir junto, para comemorar o aniversario de 15 anos, na época da viagem ela ainda vai ter 14. Eu estou meio receosa de leva-lá e ser mais difícil de entrar no país, você acha que isso dificulta em alguma coisa?

    • Ana Grassi on

      Maysa, não sei te responder com certeza, mas no link que coloquei no post (a cartilha para viajar com menores), com certeza você vai encontrar uma resposta!
      Boa viagem!
      Ana

  2. Boa tarde Ana,

    Tudo bem?
    Preciso de uma sugestão.
    Estou pensando em viajar por 10 dias para o sul da Itália em setembro com mulher e filho (5 anos). A minha dúvida é: embora ainda dará p/ curtir praia, qual das 3 opções é “mais divertido” ou “menos cansativo” p/ a criança?
    Napoli com Costa Amalfitana, Calabria ou Sardenha?
    Nós já viajamos com criança em pleno dezembro p/ Toscana, mas ele tinha apenas 3 anos, o que eu considero mais fácil do que hoje em dia.
    Obrigado.

    • Ana Grassi on

      Oi Gustavo, tudo bem? Eu escolheria Sardgena para ir com meus filhos: mais relaxante, mais divertido, com muita história e boa comida!
      Baci,
      Ana

  3. Oi Ana!
    Muito legal o Blog! Estou indo para a Europa em Junho para um congresso e ficarei uma semana na Suíça. Marido e filho de 4 anos vão junto e acho que vão cansar da cidadezinha onde estaremos para a conferência então estou pensando em opções para eles fazerem de bate-e-volta ou para ficarem uma noite. Há algo no norte da Itália que você recomenda? Dei uma olhada em Aosta, parece que tem um parque legal lá, acha que é possível aproveitar com um pequeno de 4,5?

  4. Alessandra Velarod on

    bom dia Ana,
    adorei suas dicas. Vou viajar 27 dias pela itália, eu, meu esposo e meu filho de 9 anos. vamos começar por milão, passar 1 semana em Trantino (ski) e voltar por Roma. Ainda não fechei meu roteiro por completo, você tem alguma sugestão com a criança, carro em alguns lugares, parque de diversão ( vi que tem em Roma).

    Te agradeço,

    • Ana Grassi on

      Oi Alessandra tudo bem?
      Tem muita coisa para fazer na Itália com crianças!! Mas acho difícil dar dicas sem conhecer o perfil de vocês…
      Tem o parque Mirabilandia, que é bem bacana: http://mirabilandia.it/
      Se precisar de assistência personalizada, estou à disposição!
      Ana

Deixe uma Resposta