A Itália não é um país com fronteiras muito bem definidas. Muito além da área geográfica que delimita o território italiano, existe uma outra Itália. Aquela que mora no coração de cada descendente de italiano. Aquela que está guardada na nossa memória afetiva, que nos remete à nossa infância, às nossas raízes e à nossa família.

Foi pensando em mostrar para vocês um pouco desta “Itália brasileira” que surgiu o projeto “A Itália no Brasil”. O último evento deste projeto foi o “São Paulo all’ITALIAna”, que aconteceu no último sábado (26/08/2017) e foi um sucesso!!!

  Eu sou apaixonada pelo resgate de nossas raízes familiares e, por isso, sou figurinha fácil de ser encontrada no Museu da Imigração do Estado de São Paulo, que está instalado na antiga Hospedaria dos Imigrantes, que chegavam de todo canto do mundo com o sonho de “fazer a América”.

Leia aqui o post sobre o Museu da Imigração do Estado de São Paulo

Encontro no café

Assim, quando eu e minha equipe começamos a idealizar este projeto em São Paulo, a única coisa que eu tinha certeza era de que eu queria levar meus leitores para conhecer o Museu.

Eu e mais 14 leitores nos encontramos no super charmoso café que fica logo na entrada do museu, após a bilheteria. Ali mesmo a festa já começou! Todos se apresentaram, contaram um pouco de suas histórias, de seus antepassados e nos unimos tendo a Itália como paixão comum.

A Palestra

Logo em seguida, fiz a palestra “Como programar a Viagem Perfeita pela Itália”. Nesta palestra eu compartilho meu conhecimento de  12 anos de experiência trabalhando como travel designer, tudo para que vocês tenham a MELHOR EXPERIÊNCIA de viagem da vida, na Itália!

Os participantes da viagem ganharam um planner para começar a planejar a viagem dos sonhos para a Itália e um cupom de desconto para os cursos oferecidos pela minha escola de italiano.

A visita ao Museu da Imigração

Foto de Maurício Ribeiro

Após a palestra, fizemos a visita pelo museu. É impactante demais entender como foi que milhares de imigrantes italianos partiam de Gênova em busca de melhores condições de vida. As salas do museu são interativas e muito cenográficas. Dá para sentir o medo, a expectativa, a ansiedade e a esperança que nossos pais e avós trouxeram na bagagem. Muitos dos participantes se emocionaram…peguei vários deles com os olhinhos brilhando!

O passeio de Maria Fumaça

Depois desse passeio de grande carga emotiva, mais uma surpresa os esperavam. Embarcamos na Maria Fumaça e fizemos um pequeno percurso de 20 minutos, pelo trecho de ferrovia que trazia os imigrantes dos portos do Rio de Janeiro ou de Santos até São Paulo.

Refizemos, muitos anos depois, o desembarque que nossos antepassados haviam feito…

As histórias da van

Depois de água, fotos e passeio pelo jardim, pegamos a van para ir até o Eataly, onde seria servido nosso almoço!

Tanto o percurso de ida como o de volta na van, foram recheados de histórias de viagem, de dicas da Itália, de muita risada e alegria. O grupo era maravilhoso e muito animado!!!

O almoço no Eataly

Foto de Maurício Ribeiro

Chegando ao Eataly, uma mesa reservada esperava por nós! Nosso cardápio foi cuidadosamente selecionado pela comilona-mor do grupo… eu!

Sou intolerante à lactose, mas … não pude resistir à vontade de apresentar aos meus leitores um dos meus queijos preferidos da Itália, a stracciatella (feito com leite de búfala que, depois de coalhado, matura no próprio soro por algumas horas, e depois é despedaçado, ou “stracciato” , juntando-se à própria nata). De sobremesa, tiramisù da Venchi, café da Lavazza e limoncello da Il Cello.

Alguns participantes fizeram até comprinhas gastronômicas!!! E voltamos todos felizes e bem alimentados para o Museu. Nosso passeio acabou às 17 horas, no café do museu, com abraços afetuosos e novas amizades adquiridas.

Agradecimento

Agradeço do fundo do meu coração à presença dos participantes da primeira edição: Alessandra Conceição, Alessandra Leite, Aracy Pabtista, Dora Dressler, Edson Bapstista, Maria Angela Villanova, Marina Machado, Maurício Ribeiro, Roselene Nímia, Flora, Kaio Donadelli, Augusto Rosa, Pedro Tamiso, Davi Tamiso. Agradeço também às minhas lindas ajudantes e parceiras Nathalia Cenciarelli, Manuela Tamiso, Marcella Moraes e Mariah Natale. A ajuda e o apoio de vocês é essencial, sempre!

Agradecimentos especial ao Kaio, autor do blog Coisos on The Go e um dos idealizadores do projeto Vem pra Sampa, Meu! que tirou fotos lindas do grupo e que ilustram este post.

Mais fotos do leitor Maurício Ribeiro

Um dos participantes do nosso grupo fez fotos maravilhosas do nosso passeio, que compartilho agora com vocês:

Depoimentos

Quer participar do próximo?

E então? Gostou do passeio? Também quer fazer este resgate? Preencha o formulário abaixo ou escreva para ana@italiana.blog.br e receba as informações sobre a próxima edição deste (e outros) eventos ITALIAna no seu email.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Leia aqui mais posts sobre ” A Itália no Brasil”, em Bento Gonçalves.

Compartilhe!

Sobre o autor

Ana Grassi é especialista em língua, cultura e turismo para a Itália. Fundadora, autora e editora do blog ITALIAna, trabalha como travel designer há 10 anos; isso quer dizer que realiza o sonho dos viajantes que querem conhecer a Itália, com um roteiro personalizado e exclusivo!

Deixe uma Resposta