Como já disse para vocês neste post aqui, o blog ItaliAna foi convidado para um blogtour na região do Veneto, com a tarefa de descobrir cantinhos escondidos e destinos turísticos pouco explorados pela maioria dos turistas. Nossa base foi a cidade de Padova, muito conhecida pela Basílica dedicada a Santo Antônio e com uma localização estratégica, que funciona muito bem como ponto de partida para bate e volta para Verona, Vicenza, Treviso, Bolonha e Veneza. Nos hospedamos no Belludi Home, um apartamento na rua de trás da maior praça da Itália (Prato della Valle) e a apenas 600 metros da famosa Basílica de…

O mercado de Bolonha, chamado de Mercato di Mezzo ou Quadrilatero, é uma área de antiga tradição comercial, que teve seu maior desenvolvimento na Idade Média e que mantém até hoje sua vocação mercantil. Fica bem no centro histórico, delimitada pelas Piazza Maggiore, Via Rizzoli, Piazza dela Mercanzia, Via Castiglione, Via Farini, Piazza Galvani e Via dell´Archiginnasio. Dá pra fazer o circuito inteiro a pé sem se cansar! Acordei cedinho pois não queria perder a montagem das barraquinhas do mercado de Bolonha. Cedinho que eu digo são sete horas, pois por aqui a feira não começa a ser montada às 4…

Se você leu o post onde ensino a escolher restaurantes e evitar cair em armadilha para turistas, provavelmente você encontrou – ou encontrará – bons lugares para comer em Florença. Mas lá, você precisará ficar muito atento para não passar reto de um paraíso gastronômico. Explico: os restaurantes na Toscana geralmente são tratorias e as que se localizam no centro histórico possuem entradas modestas, as vezes quase invisíveis. Você ficará espantado ao abrir uma portinha e encontrar um enorme salão! Às vezes acontece o contrário, o lugar está tão na nossa cara,  que ficamos desconfiados de sua autenticidade. Depois da região…

1 31 32 33 34 35